Eshmir — Fórum RPG
Chatbox

Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Cidade de Hyacinth

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ir em baixo  Mensagem [Página 3 de 5]

51 Re: Cidade de Hyacinth em Sex Nov 14, 2014 8:53 pm

Em silêncio, se sentindo culpado, andei diretamente para o estábulo. Estava atento à tudo e à todos.

Ver perfil do usuário

52 Re: Cidade de Hyacinth em Sex Nov 14, 2014 9:22 pm

Heinz permaneceu sério e em seu caminho até o portão, onde encontraria algum guarda.

 - Sinto dizer que é irrelevante que lembre do fato. O que importa é que ele ocorreu. - Finalmente, o justiceiro olhou para Fadra'dma em seus braços. Seu olhar carregava desprezo, mas também pena, como se lamentasse o que ela fizera.

Heinz apressou o passo ao ver os grandes portões de Hyacinth a frente e s aproximou de um guarda.

- Boa tarde. Sou Heinz Von'Hoeven, soldado veterano de Breonne. - Heinz saudou-o apenas com um assentir de cabeça por estar carregando Fadra'dma. - Esta mulher tentou um homicídio a poucos minutos na taverna, e trouxe ao senhor para que as leis de Hyacinth sejam aplicadas. - Disse e deixou a mulher no chão lentamente.



Última edição por HeinzVonHoeven em Sab Nov 15, 2014 4:05 pm, editado 1 vez(es)

Ver perfil do usuário

53 Re: Cidade de Hyacinth em Sab Nov 15, 2014 3:56 pm

— Bem, nós vamos encontrar algumas pessoas nos estábulos, aqueles as quais estavam brigando na taverna, eu havia combinado de viajar com eles mas houve uma mudança de planos... — Chrom dizia enquanto tentava explicar a situação, se sentia no minimo sem graça, após convidar a garota para uma viagem e está abandonando ela, porém era algo necessário. — Explicando melhor, parece que eles irão a Innsmouth, parece que ninguém vê a população de lá a tempos, é algo como uma missão de exploração, terá uma boa recompensa e você estará acompanhada de um soldado e alguns amigos, não há com o que se preocupar, e se precisar corra. Te interessa ? Quando terminava de falar, já era possível ver os estábulos. Mesmo assim Chrom e Yva seguiram no mesmo ritmo.

Ver perfil do usuário

54 Re: Cidade de Hyacinth em Sab Nov 15, 2014 4:21 pm

O guarda olhou a mulher e o homem, respectivamente. Depois de ouvir as palavras proferidas pelo soldado de Breonne, assentiu com a cabeça e mandou que os outros guardas começassem a acorrentar a mulher.

— Obrigado por manter a nossa cidade livre de pessoas como essa aqui — falou o guarda, animado.

Ver perfil do usuário

55 Re: Cidade de Hyacinth em Sab Nov 15, 2014 4:23 pm

-Agradeço-lhes pelo mesmo então - Disse Heinz, com um sorriso, e partiu para os estábulos

Ver perfil do usuário

56 Re: Cidade de Hyacinth em Dom Nov 16, 2014 1:19 pm

Os pés começavam a reclamar quando Louis chegou aos portões da cidade, depois de um bom tempo de caminhada no solo duro e irregular dos ermos. Não fazia muito tempo, ainda poderia ser encontrado em sua cidade, longe daquela vida e daquele mundo que ele pouco conhecia. Talvez estivesse trabalhando com os pais em alguma exportação de vinho, mas isso não lhe traria realização alguma. Os pais eram apenas bobos da corte dos nobres, tratados como meros brinquedos que ofereciam bailes e banquetes apenas para serem cada vez mais desprezados. Louis detestaria cada segundo a mais naquela casa. Contudo, não sabia o que a estrada lhe aguardava.

O pouco dinheiro que juntara antes de sua viagem ainda não fora gasto, e ele preferia não fazê-lo tão cedo. Queria guardar o dinheiro para alguma eventualidade mais necessária, deixar-se menos dependente de ouro. Talvez conseguisse algum trabalho qualquer como caçador de recompensas e a bolsa se enchesse com mais algumas moedas. Lembrou-se de Garth. O pistoleiro mais velho estava em algum canto do mundo, vivendo alguma aventura que contaria em volta de alguma fogueira mais tarde. Sentiu uma súbita vontade de ter suas próprias histórias para contar.

Parou diante do portão da cidade, que àquela hora estava fechado. Guardas ladeavam a porta, com cara de poucos amigos. Louis respirou fundo e andou mais alguns passos, pensando se aquelas moedas não serviriam de alguma coisa, caso os guardas precisassem de um incentivo a mais para abrir as portas da cidade.

— Saudações — disse, num gesto cortês. — Vocês poderiam abrir o portão para um simples viajante?

Ver perfil do usuário

57 Re: Cidade de Hyacinth em Dom Nov 16, 2014 1:27 pm

Alterax

avatar
Admin
Os sentinelas observaram o rapaz dos pés a cabeça, assentindo com a cabeça logo em seguida. Era, fisiologicamente, um humano. E não ser um era a única coisa a qual poderia impedí-lo de ter acesso à cidade, apesar de que Elfos e Anões também podem acessá-la. Apenas uma aba do portão fora aberta, tendo em vista o quão desnecessário seria abrí-lo por completo.

Ver perfil do usuário http://eshmir.forumeiros.com

58 Re: Cidade de Hyacinth em Dom Nov 16, 2014 1:53 pm

Passou pelos guardas, tocando a aba do chapéu em cumprimento. Não fora necessário muito para entrar, felizmente. A cidade por trás do portão era cheia de casas de alvenaria com telhado de cerâmica vermelha e ruas de paralelepípedo. Louis nunca viajara para muito longe de sua cidade natal, exceto nas raras vezes em que o pai os levava para caçar fora da cidade, num pequeno bosque nas redondezas. Fora isso, nunca se afastara muito da cidade.

Correu os olhos pela cidade, procurando alguma coisa que lhe interessasse. Transeuntes passavam em todas as direções, ocupados com seus afazeres. Milicianos faziam mais uma ronda antes do dia terminar. Gente na taverna se entretinha com jogos, música e mais uma caneca de cerveja. Respirou fundo. Talvez fosse uma boa opção para começar. Lembrou-se das moedas e dirigiu-se para a primeira taverna que viu.

Ver perfil do usuário

59 Re: Cidade de Hyacinth em Dom Nov 16, 2014 1:57 pm

Chrom passa pela cidade cavalgando em velocidade mediana, não causaria problemas, mas certamente aquilo não era um desfile ou algo do tipo, ia direto aos portões a saída da cidade. Assim que teve visão da entrada, tratou de ir diretamente para lá, já se deparou com uma das portas abertas, seguiu lentamente até lá sem apressar o passo

— Sou Chrom, morador e soldado da cidadela, estou indo em uma viagem de trabalho.  — Disse de maneira a se apresentar a guarda, enquanto passava pelo portão — Tenham um bom dia soldados.



Última edição por Chrom em Seg Nov 17, 2014 8:34 pm, editado 1 vez(es)

Ver perfil do usuário

60 Re: Cidade de Hyacinth em Dom Nov 16, 2014 6:47 pm

Heinz deixou o estábulo lentamente enquanto se ajeitava no animal. Olhou para trás e viu que todos o seguiam (Inclusive Yva), e então passou pelos portões de Hyacinth. Uma vez fora da cidade, movimentou as rédeas da montaria para que a mesma acelerasse.

Ver perfil do usuário

61 Re: Cidade de Hyacinth em Dom Nov 16, 2014 6:56 pm

Continuei acompanhando Heinz, um pouco atrás do mesmo. Se ele é o líder, por quê não deixa-lo na frente ? Pensei.

Ver perfil do usuário

62 Re: Cidade de Hyacinth em Dom Nov 16, 2014 7:01 pm

Logo se acostumou com o ritmo do cavalo, e quando precisou aumentar a velocidade, já não estava mais com medo. Imitou o gesto de Mannuel e manteve-se atrás de Heinz, prestando atenção a paisagem ao seu redor.

Ver perfil do usuário

63 Re: Cidade de Hyacinth em Dom Nov 16, 2014 7:07 pm

Enquanto os acompanhava observem a paisagem ao redor, assim como Sarah estava fazendo. Era realmente interessante a quantia de detalhe que antes não havia notado.

Ver perfil do usuário

64 Re: Cidade de Hyacinth em Seg Nov 17, 2014 9:08 pm

Chrom passou a sentir um incômodo em sua mente, uma voz sussurrante e sedutora, cada passo que o mesmo dava ela parecia incômoda-lo mais.

"Oh! Nobre guerreiro... Ajude-me por favor... Apenas você pode quebrar minha maldição!

Ver perfil do usuário

65 Re: Cidade de Hyacinth em Seg Nov 17, 2014 9:32 pm

Antes mesmo de chegar ao portão, Chrom pode ouvir dentro de sua cabeça uma voz completamente desconhecida, algo parecido com uma mulher pedindo ajuda, sem pensar duas vezes, seu coração bondoso respondeu.

"Diga-me como e onde, farei o possível! "

Ver perfil do usuário

66 Re: Cidade de Hyacinth em Seg Nov 17, 2014 9:40 pm

A voz parecia estar sofrendo de uma dor profunda, algo agonizante.

"Ao... Norte... Jovem... Herói...

Ver perfil do usuário

67 Re: Cidade de Hyacinth em Seg Nov 17, 2014 9:43 pm

"Quão longe ao norte ? Estou partindo para Hammerfall neste exato momento, continue me guiando e farei o possível!"

Disse logo após fazer seu cavalo se locomover de forma mais rápida, ele então cruzou os portões da cidade enquanto tentava imaginar o que poderia ser aquilo em sua mente.

Ver perfil do usuário

68 Re: Cidade de Hyacinth em Seg Nov 17, 2014 9:47 pm

"Continue... indo... ao... norte... antes... de... chegar... em... Hammerfall... me... acharás...

A voz agora estava se silenciando, como se nunca tivesse existido, Chrom agora começa a sentir tonturas de tempos em tempos.

Ver perfil do usuário

69 Re: Cidade de Hyacinth em Sex Nov 21, 2014 5:27 pm

Enquanto guiava o cavalo, chegou ao centro da cidade, uma parte mais barulhenta e movimentada, mesmo na parte da manhã o tumulto era demasiado para Hayleigh, que nunca tinha visto tantas pessoas, comparado a noite vazia, aquilo era toda a cidade.
- Tenho dezessete, fiz faz menos de dois dias. Disse, com um sorriso no rosto. - Bela cidade, não acha? *Relinche* Já tinha visto algo assim? Ou... se lembra de ter visto?

Ver perfil do usuário

70 Re: Cidade de Hyacinth em Sex Nov 21, 2014 5:35 pm

- Dezessete?! - Me surpreendi - Nunca imaginaria isso... - Murmurei.

Será que a falta de memória me fez perder o senso?

- Oh, sim, é bem bela a imagem... Mas, não sei se posso dizer que já vi... Me é familiar, apenas - dou uma pausa - Hayleigh! Será que por aqui tem uma biblioteca?

Ver perfil do usuário

71 Re: Cidade de Hyacinth em Sex Nov 21, 2014 5:47 pm

- Qual a surpresa? Eu não pareço um pervertido, pareço? - Hayleigh então parou o cavalo e olhou para os lados, ao ouvir a pergunta de Akemi continuou analisando - Provavelmente tem, é uma grande cidade, você quer ler algum livro?

Ver perfil do usuário

72 Re: Cidade de Hyacinth em Sex Nov 21, 2014 6:03 pm

- Eu não quis parecer rude... Muito menos acusar-lhe de pervertido! Desculpe minha falta de tato - coço a cabeça de leve com o indicador.

Acaricio de leve Thor em sua crina alegremente.

Ele é tão dócil...

- Precisamos achar uma biblioteca, então, se tem uma coisa da qual me lembro é de que livros tem todo o tipo de informações! - Digo, entusiasmada - Mas não tenho nenhum livro em mente não, Hayleigh.

Uma imagem de um grande livro tenebroso, como um flashback, passa por minha mente e lembro-me de uma voz me contando uma história assustadora sobre ele. Sinto-me assustada, mas não me recordo sobre o que exatamente contava a história...

Por quê será que lembrei logo disto, tendo tanto de importante que não lembro?

Deixo escapar um suspiro alto.

Pelo menos minhas memórias estão voltando aos poucos...

- Oh, falando em histórias! Você não disse que me contaria a sua?

Ver perfil do usuário

73 Re: Cidade de Hyacinth em Sex Nov 21, 2014 6:11 pm

- Bem, se tiver com certeza acharemos.
Hayleigh olhava para os lados, então abordava algumas pessoas perguntando sobre algum boato de princesa desaparecida nas redondezas, porém ninguém tinha informação de nada.
Ele então ouviu Akemi falando novamente e virou-se para a garota, uma brisa passou e mexeu em seu cabelo, e naquele momento ele percebeu, ela possuía um cabelo lindo, fazendo uma expressão de admiração enquanto a ouvia encarava seus cabelos.
- Ah, sim. Você quer a versão curta ou a longa?

Ver perfil do usuário

74 Re: Cidade de Hyacinth em Sex Nov 21, 2014 6:25 pm

Ver tantas pessoas é um tanto interessante; são tantos rostos, tantas possíveis histórias... Uhn. Tais como livros.

Sinto uma brisa passando por mim, o breve ar gélido me agrada. Quando volto a visão para Hayleigh, algo no jeito como o rapaz me olha me deixa com uma sensação engraçada por alguns instantes, mas logo ignoro.

- Ahn... A que você se sentir mais a vontade para contar está bom! Porém, acho que tenho de dizer, gosto de saber das histórias nos mínimos detalhes.

Ver perfil do usuário

75 Re: Cidade de Hyacinth em Sex Nov 21, 2014 6:36 pm

- Ok, deixe eu ver...
Enquanto Hayleigh pensava, mais uma pessoa foi abordada, um senhor de 48 anos com roupas formais, Hayleigh não conseguiu informação alguma do homem sobre uma princesa desaparecida, tampouco de alguma biblioteca na cidade, entretanto se alguém saberia de alguma história sobre princesas seria a realeza ou na forja.
- Bem, acho que temos um destino, vamos até a forja, se não conseguirmos nada, iremos ao castelo real da cidade.
Agora, sobre minha história... minha mãe participava de um culto adorador de um Deus, acreditavam que um dia ele iria voltar, e a data do meu nascimento coincidiu exatamente com o momento da lua tampar o sol, o chamado eclipse, eles então sacrificaram a minha mãe e me retiraram dela, basicamente pois eu iria absorver a alma dela para conseguir sobreviver no mundo mortal. Eles me criaram com... "carinho", se assim podemos dizer, o tanto de carinho que você tem por uma pedra valiosa que irá vender. Me ensinaram a magia mais pura possível, e eu fui receptivo ao extremo a ela, por isso focaram apenas neste estilo e não domino nenhuma outra área, após alguns anos lendo e descobrindo sobre tudo, vi que o que cometeram foi um erro terrível, eu nunca seria um Deus, aquilo era apenas um mito de um livro, aquela cidade inteira é louca! Todos cultuavam alguém, sacrificavam por alguém, e eu não sei porque, mas o dinheiro que rolava por lá era grande, entretanto algo que eu sabia era que, ao fugir, eu seria caçado até a morte pelos outros moradores e obrigado a voltar pelo meu "clã", então eu fugi a noite, sem deixar pistas com Thor, despistei eles na floresta e decide rumar minha própria vida, ter minhas decisões e conhecer o mundo, me aventurar nele, e quando vi você, pensei que seria uma ótima oportunidade de conhecer coisas novas. Bem, acho que é isso, espero que fique satisfeita, e sim, é possível que eles venham atrás de mim ainda, mas eu consigo ganhar deles fácil, não precisa se preocupar com isso. Ah! Ali deve ser a forja, bem, foi um modo de passar o tempo, que tal entrarmos?

Ver perfil do usuário

Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo  Mensagem [Página 3 de 5]

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum